Visualizações de página do mês passado

terça-feira, 26 de abril de 2011

A tecnologia mineira do abraço



Slide 1. M COISAS DE MINEIRIM
Slide 2. A TECNOLOGIA MINEIRA DO ABRAÇO
Slide 3. O matuto falava tão calmamente, que parecia medir, analisar e meditar sobre cada palavra que dizia... “É ... das invenção dos hómi, a que mais tem sintido é o abraço.”
Slide 4. O abraço num tem jeito dum só apruveitá! Tudo quanto é gente, no abraço, participa duma beradinha...
Slide 5. Quandu ocê ta danado de sordade, o abraço de arguém ti alivia... Quandu ocê ta danado de reiva, vem um, te abraça e ocê fica até sem graça de continuá cum reiva...
Slide 6. Si ocê ta filiz e abraça arguém, esse arguém pega um poquim de sua alegria... Si arguém ta duente, quandu ocê abraça ele, ele começa a miorá, i ocê miora junto tamém...
Slide 7. Muita gente importante e letrado já tentô dá um jeito de sabê pruquê quié qui o abraço tem tanta tequilonogia, mas ninguém inda discubriu...
Slide 8. Mas, iêu sei... Foi o isprito santo de Deus qui mi contô... Iêu vô conta proceis uqui foi qui ele mi falô: O abraço é bão prucausa do Coração...
Slide 9. Quandu ocê abraça arguém, fais massage no coração!... I o coração do ôtro é massagiado tamém! Mas num é só isso, não...
Slide 10. Aqui ta a chave do maior segredo de tudo: É qui, quandu abraçamo arguém, nóis fiquemo tudo é com dois coração no peito!... (autor desconhecido)
Slide 11. M INTÃO, MI DÁ UM ABRAÇO?
FONTE: www.slideboom.com/presentations/149715/AbracoMineiro

14 comentários:

  1. Um encanto de mineirice e mineiridade

    ResponderExcluir
  2. Diz muito da alma mineira

    ResponderExcluir
  3. O abraço mineiro vai para Lula que disse numa netrevista recente:

    “Um setor da imprensa está de ‘namorico’ com o governo Dilma para causar divergência entre eu e ela… Não existe divergências, porque o dia que eu e ela discordarmos, ela está certa”.

    ResponderExcluir
  4. Uai, abraço de mineirim é bão dimais, sô!

    ResponderExcluir
  5. Sempre gostei muito da matutice dessa poesia

    ResponderExcluir
  6. Francisco Meireles28 de abril de 2011 20:14

    Uma poesia matuta muito bonita

    ResponderExcluir
  7. Maria Aparecida Damasceno30 de abril de 2011 10:31

    Um abracim matuto mineirim é tudod e bom

    ResponderExcluir
  8. Bárbara Heliodora Gomes Lins30 de abril de 2011 11:23

    Fiquei apaixonada pela tecnologia mineira do abraço

    ResponderExcluir
  9. Fiquei emocionado com a mineiridade da poesia

    ResponderExcluir
  10. Sou fã dessa poesia mineirinha matuta

    ResponderExcluir
  11. Martha Vilarinhos1 de maio de 2011 11:27

    Estou esperando o resto da Semana Santa na fazenda Matinha de Dona Lô

    ResponderExcluir
  12. Fáááááátima cadê Dona Lô com o resto da Semana Santa, hein?

    ResponderExcluir
  13. Uai, teim nada mió q braçá não, sô!
    Braçá é juntá coração memo,num querdita? Ixpermente, bão dimais.
    bração proceis tdo.

    ResponderExcluir
  14. Booooooooooooooooom demais, sô!

    ResponderExcluir